quarta-feira, 20 de março de 2013

DISPUTAS E ACIDENTE NA SEGUNDA ETAPA


Como sempre, disputas acirradas por todas as posições marcaram a segunda etapa do Campeonato paulista de Formula Vee, disputada sábado último em Interlagos. Vinte carros apresentaram-se para a largada, sendo que a pole position foi surpreendentemente conquistada pelo kartista Matheus Jacques de apenas 16 anos, que fazia sua terceira apresentação na categoria. Na classificação, disputada debaixo de tempo chuvoso e inconstante,  a pole foi constantemente  disputada entre os pilotos Emilio Padrón, Heitor Nogueira Filho e Fernando Monis, até que na última volta Matheus Jacques surpreendeu os favoritos marcando o melhor tempo. E esses foram os 10 melhores colocados:

1o.- Matheus Jacques - #14 - Vivo Sabor/Kalena - 2m16s.133
2o.- Heitor Nogueira Filho - #55 - HT Guerra/MK - 2m16s.389
3o.- Emilio Padrón - #7 - EF Preparações - 2m16s993
4o.- Fernando Monis - #34 - Monis Racing/TJ - 2m17s451
5o.- André Carvalho - #28 - 2m.17s601
6o.- Sandro Freitas - #17 - San Race - 2m18s233
7o.- João Tubino Neto - #50 - TJ Competições - 2m19s309
8o.- Arthur Leme - #51 - Alfia Peças - 2m20s361
9o.- Eduardo Moreira - #0 - LF Competições - 2m20s663
10o.- Cristiano Viana - #82- Vee Racing Team - 2m20s773

Na largada, o pole Matheus Jacques ficou parado devido a problemas de câmbio e Heitor Nogueira, Fernando Monis e Emilio Padrón passaram a disputar roda a roda a liderança. Uma disputa eletrizante envolveu esses três pilotos que trocaram de posições a cada curva até o final, sendo que a cada volta um deles cruzava a linha de chegada na frente.


Na quarta volta, um acidente que poderia ter graves consequências envolveu os pilotos Arthur Leme e Ricardo Soares na freada da Curva do Esse. Ricardo Soares perdeu a freada e atingiu a roda traseira esquerda de Arthur Leme, seu carro foi catapultado por cima do outro e por pouco não atingiu Arthur Leme. Mas felizmente não houve nenhum dano aos pilotos. Ricardo Soares abandonou a prova, mas Arthur leme deu seguimento na competição.

No bloco intermediário, a se destacar os desempenhos de João Tubino Neto, André Carvalho, Gláucio Doreto e as evoluções de Eduardo Moreira e Matheus Jacques que vieram do fundo do pelotão e já lutavam pelas posições principais. Lá na frente na penúltima volta, Heitor Nogueira rodou no Mergulho, perdendo assim o terceiro posto para Joçao Tubino Neto, enquanto Fernando Monis liderou toda essa volta, seguido nos calcanhares por Emílio Padrón. Disputando cada centímetro de pista na última volta, numa disputa sensacional,  Emílio cruzou a chegada com meros 50 milésimos de segundo sobre Fernando Monis, sendo assim o ganhador dessa segunda etapa.


Foi essa a classificação final:

1o.- Emilio Padrón - # 7
2o.- Fernando Monis - # 34
3o.- João Tubino Neto - 50
4o.- Heitor Nogueira Filho - # 55
5o.- Matheus Jacques - #14
6o.- Gláucio Doreto - #89
7o.- Arthur Leme - #51
8o.- Eduardo Dias - #8
9o.- Daniel Ebel - #32
10o.-Márcio Mauro - #11

A melhor volta foi de Emilio Padrón em 2m02s453, à média de 126,680 Km/h, recorde oficial da categoria. A terceira etapa será disputada dia 06 de abril. Até lá...

(fotos reprodução Marcus Vinicius Pavan/Blog do Mestre Joca)

Nenhum comentário: