quarta-feira, 16 de março de 2011

ISSO É A NOSSA FORMULA VEE...!

E aos poucos vão aparecendo os vídeos da nossa corrida de estréia. Desta vez é o Sandro Freitas que se empolgou no sábado e deu uma de ajudante de mecânico, auxilaindo aqui e ali quando necessário. Não satisfeito, baixou o vídeo abaixo da luta pela ponta entre o Nenê Finotti e o Fernando Monis, agora visto da perspectiva do Fernando.



Vejam a tocada segura dos dois numa pista escorregadia pela chuva fina e óleo deixado por outras categorias, o respeito mútuo na aproximação das rodas - fundamental em carros de fórmula - a "traseirada" do carro do Finotti, típicas dos Formula Vee e a correção magistral do Fernando Monis aos 2m e 17 s do vídeo.

É isso que queremos na nossa categoria...

(vídeo cortesia Sandro Freitas)

11 comentários:

Mestre Joca disse...

Observem que os dois pilotos, após a largada, usam somente duas marchas, terceira e quarta por todo o circuito.

No Laranjinha, curva de média para alta velocidade e cuja tomada é cega, o Fernando usa quarta só com uma pequena aliviada no acelerador.

Outra coisa, o carrinho dá vácuo. Prestem atenção quando o Nenê ultrapassa o Fernando e depois ele embute na reta na traseira do carro á frente, sendo obrigado a puxar para a esquerda para não bater.

Fernando disse...

Enquanto não estiver presenciando esses 'pegas' nas arquibancadas , já fico feliz de ver os videos .
Tomara que todos tenham a própria camerazinha . Fixada para resistir os G's q submetem ( já mediram ? ).
Assim não preciso escutar locutores fajutos Globais ! Assistindo nossos brasileiros .

Leone disse...

O que percebi, foi que o Finotti estava com um belo de um canhão, mas, o Fernando tinha mais chão.

Muito legal.

Mestre Joca disse...

Leone,

na verdade, nem um, nem outro. Estavam todos correndo quase - literalmente - no escuro. Sem dúvida que o carro do Eduardo que o Nenê pilotou está muito bem feito e bem preparado, mas isso é mérito do dono que caprichou no seu carro. Até aí, nada demais.

O Nenê foi o único a dar algumas voltas com o carro na sexta e no sábado, mas daí dizer que veio algum acerto seria um exagero.Não havia nem tempo para mexer no carro.

Já o Fernando sentou no carro quase em cima da hora da largada,assim como os outros, mas com exceção do motor que já havia andado um bocado no chassi 001, o carro estava muito bem feito pelo Zurk.

Ao fim e ao cabo, são dois ótimos e experientes pilotos andando como convidados em carros alheios e com o maior cuidado em devolvê-los íntegros aos seus respectivos donos.

Abs

Leone disse...

Ta certo, Mestre.

Pé de Chumbo disse...

Bão!
Muito bão messsmo!
Espetáculo!!!

Sérgio disse...

Pessoal,
Vi a notícia no site do Miagi e achei ideia é mto boa. Parabéns pela ótima iniciativa.
Penso que, se o custo não for alto, basta haver uma boa divulgação para isso crescer bastante.
Se vocês quiserem, eu posso transformar esse blog num site, sem que isso custe nada - nem o meu trabalho e nem a manutenção do site. O que acham?
Isso não aconteceria imediatamente pois tenho outros projetos urgentes, mas poderíamos ir conversando. Caso tenham interesse, meu e-mail é scamposgoncalves@gmail.com.

Um abraço,
Sérgio.

Flávio Faria disse...

Boa tarde,

Meu nome é Flávio, sou da Revista Super Speed, que trata mensalmente do mundo da alta performance. Eu tentei encontrar um contato de E-mail dos organizadores da prova mas não consegui. Se possível, entrem em contato comigo pelo E-mail flavio@cteditora.com.br para conversarmos sobre a divulgação das etapas.
Abraços,
Flávio Faria

roberto zullino disse...

o contato é simples, joaquim@formulaveebr.com.br para tratar de assuntos corporativos, testes, matérias ou roberto@formulaveebr.com.br se for questões técnicas, compra de kits.
marketing é com felipe@formulaveebr.com.br

Antonio Seabra disse...

Mestre e "tio" Zuzu:

Me parece pelo video (cedo demais pra afirmar) que a relaçao 8:33 que tava no carro do Fernando seja mais adequada para Interlagos do que a 8:31. A diferença na subida do Café é nitida. Já na descida da reta pro Lago a 8:31 não perde, ao contrario, ajuda a embalar. O tempo vai dizer.

Antonio

roberto zullino disse...

Seabra,
Isso é que esquenta as coisas, mas nós não damos palpites sobre isso. Cada um que use a relação que quiser, desde 8:31, 8:33, 8:35.
Eu gostaria daqui a um tempinho fazer um teste com a uma 8:35 e ver que tempo faz. Algo me diz que vai perder na alta, mas vai subir o café e fazer o laranjinha facilmente. Dependendo de quem esteja guiando pode se dar bem.