domingo, 13 de fevereiro de 2011

Formul Vee em Interlagos

Ontem e hoje o Emmanuel e o Thomas expuseram o Naja01 Formula Vee montado no atelier deles em Piracicaba. Estão terminando mais seis, no dia 13 de Março teremos um grid cheio, mais carros estão sendo terminados pelos pilotos de várias localidades e esperamos vir com toda a força. A categoria é a maior do automobilismo mundial e aqui não será diferente, é a maior porque é acessível, simples, bem feita e tem bom desempenho e emoção. O 001 que já visitou Interlagos já está em Passo Fundo sendo montado pelo Paulo Trevisan para voltar no dia 13 de Março.

Algumas lendas vivas do automobilismo se aventuraram a entrar no cockpit para experimentar a sensação de sentar em um Naja01.

A Formula Vee Brasil agradece ao Emmanuel e ao Thomas o envio do carro para a exposição e também aos amigos que foram prestigiar a nova categoria do Campeonato Paulista de Velocidade no Asfalto disputado em 10 provas em Interlagos.

Aos que aparecem nas fotos abaixo nosso agradecimento por terem experimentado o cockpit prestigiando a nova iniciativa e ainda nos dando a honra de serem nossos amicci "in pectore".

Esse "moço" é apenas o Arthur Bragantini, dispensa apresentações, correu de quase tudo que tenha quatro rodas e ganhando inúmeras provas e campeonatos, o currículo dele daria um blog inteiro. Deverá andar com o carro na Quarta Feira e depois fornecer dicas aos pilotos.
Outro que dispensa apresentações, Roberto "Coruja" Amaral, um dos poucos ganhadores da Stock Car, também correu em quase tudo que tem 4 rodas ganhando com seu Opala 44 e depois Omegas. Hoje corre de Maserati preparada por ele. Meu 550 spyder foi preparado por ele e mesmo me tendo como piloto conseguiu o campeonato de 2003 na Classic Light. É um milagreiro mesmo.
Outra lenda viva, Tigueis, correu e preparou Opalas, Omegas, construiu um protótipo Vectra que era um canhão e agora sua equipe corre com Stock Tubular com motor de Omega e com uma Pick-Up tubular também com motor de Omega. Tem uma das equipes mais fortes e organzadas do campeonato.
O nosso querido Regis Cava, na realidade ele é o "padrinho" da categoria, ajudou na hora mais importante não medindo esforços. Corre de Puma, mas mais dia menos dia irá para a Formula Vee e nos dará um enorme honra.
Silvio Bochi que também já correu de tudo, hoje está no Marcas se não me engano, não falta um final de semana de corrida sempre colocando seu carro na pista e com bons resultados.
Mais um campeão que o Coruja ajudou a conquistar um título, Marcelo Zebra, corre de BMW GT na Clássicos, um carro lindo e vencedor.
Não há quem não conheça, Wanderlei Natali, tradicional Alfista que de vez em quando dá umas traídas na Casa di Milano e anda forte com um Passat na Clássicos. Corremos juntos na Classic, mas em grids diferentes, amigo de todas as horas.
Veio também o Froilan Gonzales, The Pampas Bull, o decano da LF Competições, mais conhecido com Luiz Finotti ou Finotão, um dos indicados para montar e manter o Formula Vee. Disse que quer um Formula Vee de dois lugares para levar os pilotos dele e ensiná-los como se faz. Já mandamos fazer, queria ser uma mosca e ir no carro só para ver as proezas e a cara dos pilotos.

A todos nosso obrigado. Um time desses não se encontra em qualquer lugar, pilotagem nesse caso é detalhe, o importante são as pessoas que são.

4 comentários:

Sandro F. disse...

Olá Roberto, boa noite.
Podia ir colocando o nome dos pilotos que irão participar da Formula Vee.
Seria bem interessante saber com quem iremos correr.
Fica aí a idéia.

Grande abraço

Sandro

roberto zullino disse...

Sandro,
dos 32 vendidos não tem nenhum conhecido, uma parte com mais idade realizando sonho, outra parte também com menos idade tambem realizando sonhos, kartistas e gaioleiros que não querem mais torrar grana em giola que virou um negócio caro
mas se quiser andar, tem que mandar o pedido agora, do contrário fica à pé.

roberto zullino disse...

Poracaso você é o Sandro Ferraris, meu amigo da Granja e dono do Posto da Deola junto com o Marcinho?

Sandro F. disse...

não, não sou eu não